About my Blog

Reflexões, citações, crônicas e extrações sobre filosofia, literatura, espiritualidade, emoções, percepções e sentimentos, e um plus para tudo o que vier na mente.

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

O barco dos desiludidos


Amiga diz:
*não adianta insistir no que não estamos preparados para enfrentar
*eu às vezes me sinto tão sozinha q faço qualquer coisa para ter atenção
*mas não há satisfação em relacionamentos vazios

Kelly diz:
*Isso

Amiga diz:
*as vezes é melhor ser feliz sozinho

Kelly diz:
*na verdade, SEMPRE

Amiga diz:
*do que incompleto ao lado de alguém

Kelly diz:
*pois aquilo q não encontramos em nós mesmos, é ilusão buscarmos nos outros

Amiga diz:
*eu digo às vezes, pq eu sou o tipo de pessoa q não consegue ser feliz sozinha
*talvez seja

Kelly diz:
*entendo...
*acho que isso vai partindo de cada um...
*eu cheguei a um ponto em que não me satisfaço com ilusões, com coisas que vão acabar
*eu acredito e eu SEI q existe uma coisa real
*algo verdadeiro e único
*todos somos únicos
*eu acredito em um só amor
*não essa coisa de buscar água em A, terra em B
*todo mundo pula de um relacionamento a outro...
*as pessoas são tão carentes
*querem bocas, palavras...
*eu tmb sou carente
*mas eu quero âmago...
*essência

Amiga diz:
*a minha necessidade é ter alguém com quem me importar
*para dedicar as coisas boas
*q me deixe acreditar em amor
*pq sinceramente
*cada vez eu acredito menos
*as pessoas parecem conchas vazias, às vezes
*eu me sinto uma
*e fico procurando algo especial nelas
*qualquer coisa
*para depois perceber q não vale a pena
*é um ciclo que eu nunca consigo interromper
*cada vez mais decepcionante e criativo
*me decepciono com pessoas q eu pensei serem minhas amigas
*meus pais

Kelly diz:
*Toca no rádio: "E agora eu ando correndo tanto
Procurando aquele novo lugar
Aquela festa
O que me resta
Encontrar alguém legal pra ficar”

*estamos todos num mesmo barco...
*muitas vezes, nos agarrando nas mesmas tábuas de salvação
*Isso são fases
*Um dia, descobriremos as verdades dentro de nós.

0 comentários :

Postar um comentário