About my Blog

Reflexões, citações, crônicas e extrações sobre filosofia, literatura, espiritualidade, emoções, percepções e sentimentos, e um plus para tudo o que vier na mente.

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Grandes Esperanças


Naquele exato momento,
Atravessando a chuva suspensa,
Apareceu aquele menino
Que só vivia no retrato que eu apertava contra o peito.
Pegou minha mão e foi me guiando
Deixando para trás aquela presença gelada
Que se arrastava às minhas costas.
Uma brisa acariciou minha pele
E trouxe o alento perdido
Das grandes esperanças.

0 comentários :

Postar um comentário