About my Blog

Reflexões, citações, crônicas e extrações sobre filosofia, literatura, espiritualidade, emoções, percepções e sentimentos, e um plus para tudo o que vier na mente.

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Ao soprar das velas



Ao soprar das velas
De mais um inverno rigoroso e risonho
E o balançar dos anos de sonho
Como de cabelos ao vento
As lembranças vêm esparsas
Umas, choradas, outras, sorridas
Toda verdade, nenhuma farsa
Nestas estradas transitórias da vida...

E ao cair da noite
Em prece irrefletida
A comparar sua alma
Aos pedidos inglórios do mundo
Que ora ou outra aponta para ela
Um dedo melindroso da ilusão detida
E, sem piedade, julga em tom profundo
Que nada deixou
Nestas estradas transitórias da vida...

Suas cariciosas primaveras jazem
Dando o alerta da mocidade ida
E lhe empanam a tesouros encastelados
Dos faustos bens por outrem regalados
Demais viventes de alma adormecida...

Que nada fez por gloríolos mundanos
A inscrever seu nome em prestígio e cartaz
Fastas que atendem por “bem-sucedidas”
Mas fatalmente ficam para trás...
Não pode sequer perder-se entre flores
Como os que existem entre falsos amores
Medindo o que valem em infiéis valores
Simbolizando lágrimas vertidas...

Ao soprar das velas invernais
Que arrastam os anos como o vento faz
E recendem odes de memórias findas
Ela fecha os olhos e faz um pedido
Pedido simples, muito merecido
De fé sincera em renúncia contida...

E o cheiro da chama da vela se espalha
Como a primeira que incendiou seu coração
Fazendo seus olhos brilharem, as mãos suarem
Forte emoção
Provando que não são precisas velas
Para, de um desejo puro, a realização...

Ao soprar das velas,
E o passar da ventura de mais uma vida,
Constatou que seus enganos
A tornaram menos infeliz.
É que houve amor e aprendizado,
E aquilo que foi ensinado
Senão pela dor o quis.

Ao soprar das velas, dessa vez
Já sabe aquilo que fez
Pra chegar até ali
E o medo e a dor dos anos se perderam
As quedas fortaleceram
E a verdade se mostrou a si.

Ao soprar das velas...

1 comentários :

Geremias Orlandi disse...

Feliz aniver atrasado!!! hehe Sorry, sábado te dou um abraço pessoalmente, beijossss

Postar um comentário