About my Blog

Reflexões, citações, crônicas e extrações sobre filosofia, literatura, espiritualidade, emoções, percepções e sentimentos, e um plus para tudo o que vier na mente.

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Sonhei com você


Tão nítido. E ao acordar, a saudade veio me abraçar. Estava mais vivo, mais pleno. Estava como vive nas minhas melhores lembranças.
Hoje eu ouvi falar de você e, então, as lágrimas vieram. Elas nunca foram embora, a dor nunca se dissipou – é só disfarce. Eu sonhei com você como sempre, aquele meu presente que doeu muito me desfazer. Eu lembrei de como você me protegia, de como éramos tão ligados, e eu senti falta desse amor que nunca mais encontrei. Reviver aquele dia me asfixia. Remexer aquelas memórias ferem fundo. Quase sete anos e tudo o que eu tenho é um amor ainda maior, sem igual. Mas, me consola que, sempre que sonho com você, me acontece tanta coisa boa... Como no dia em que, em prantos, pousei a cabeça no travesseiro e pedi a Deus: mande alguém que me ame.... Mostre-me em sonhos alguém que me dê motivos para continuar, para prosseguir, pois já não tenho forças... E, na manhã seguinte, acordei chorando... Com você muito vivo em mim, eu quase podia tocá-lo...

Eu sei que você está bem, e é isso que me consola. Eu vou buscar forças no seu amor agora, para vencer tudo o que vier – dizem que o amor vence tudo! Nada pode ser mais forte e, melhor, nada nem ninguém pode tirar o que aconteceu. Continue voando, firme e forte, pois em meu amor, sempre encontrará um ombro amigo para pousar.

0 comentários :

Postar um comentário